Inglês para Viagem

Como foi trabalhar em um acampamento de verão nos EUA, por 10 semanas

Como foi trabalhar em um acampamento de verão nos EUA

Eu sou a Raquel e hoje venho falar para vocês a minha experiência com intercâmbio e como foi trabalhar em um acampamento de verão nos EUA, por 10 semanas. Foi uma super experiência 😊. Se você procura um intercâmbio mais acessível, essa é uma ótima opção.

Como é trabalhar em um acampamento de verão?

O trabalho no Summer Camp (acampamento de verão) é basicamente acompanhar, monitorar e incentivar as crianças e adolescentes (Campers) com as atividades disponíveis no acampamento. Acontece sempre entre os meses de maio, junho, julho e agosto, ou seja, durante o verão norte-americano. A rotina é bem regrada: o horário de acordar é bem cedo, as refeições sempre têm horário também, atividades noturnas (camp fire) e muita diversão. Além disso, parece que você sempre está em um filme da sessão da tarde.

Como fui parar lá?

Fiquei sabendo desse intercâmbio por uma agência, a STB, e eles me orientaram sobre como seria o processo. É bem parecido com os outros, além de passaporte, visto, vacinas em dia, você precisa entrar em uma plataforma e preencher o seu perfil, com informações sobre seus hobbies, vida profissional, qual área você gostaria de trabalhar e se possui experiência em alguma das atividades que o acampamento oferece. Você também precisa postar fotos com amigos, família, fazendo as atividades sobra as quais você escreveu e fazer um vídeo falando porque você quer participar desse programa. Depois, seu perfil fica aberto e você pode ser selecionado por algum acampamento para qualquer parte dos EUA.

Treinamento e suporte para trabalhar no Summer Camp

Eu precisei fazer um treinamento online um mês antes de viajar, onde possuíam algumas regras a serem seguidas e como reagir em algumas situações durante o trabalho. Mas não são todos os acampamentos que cobram esse treinamento em uma plataforma online. Com tudo certo, é só partir para a aventura. Durante o acampamento, eu fui acompanhada por outra agência, a CIEE, que me deu todo o suporte, antes e durante a minha viagem, fazendo até um acompanhamento pessoal na terceira semana de trabalho para se certificar se tudo estava indo bem. Portanto, fui acompanhada pela STB no Brasil e depois pela CIEE nos Estados Unidos.

Minha experiência

Mas, vamos ao que interessa. Vou contar como foi trabalhar em um acampamento de verão nos EUA, durante 10 semanas. Quando cheguei ao acampamento, eles foram bem receptivos. Passei duas semanas em treinamento, aprendendo como iria funcionar a rotina quando as crianças e os adolescentes chegassem, além de arrumar as cabines onde os campers ficaram. Na terceira semana começamos de fato o trabalho como monitores. Foi sensacional lidar com crianças de países diferentes, inclusive brasileiras, mas lembrando que só podemos nos comunicar em inglês lá, porque muitos pais também colocam seus filhos em acampamentos de verão para desenvolver a língua inglesa.

Nas primeiras semanas foi bem difícil entender alguns sotaques, mas com o tempo me acostumei e consegui entender de forma mais fácil. O choque de culturas e sotaques foi bem interessante e enriquecedor, pessoas com objetivos e focos diferentes, mas todos com o intuito de trocar experiências e vocabulário. É bem difícil não se entrosar, nos dias de folga é bem legal conversar fora do ambiente de trabalho. O intercâmbio acaba, mas as amizades podem continuar! Até hoje tenho contato com os amigos latinos que fiz e sempre me lembrarei deles. Viajamos juntos depois do acampamento, também.

Explorando os EUA: grace period

Depois das 10 semanas trabalhando, você recebe um salário pelo seu trabalho, mas também pode pedir adiantamentos durante o período em que estiver no acampamento. Além disso, você ganha 30 dias, chamado de grace period, para poder viajar e explorar o país. O acampamento onde fiquei foi o Hobin Hood localizado no estado de Maine, na cidade de Brooksville, um lugar bem calmo e com uma paisagem linda. Tem um parque muito lindo, onde você pode fazer uma trilha e, também, tem uma praia bem legal. Temos outras prainhas que são de água doce e mais quentes, onde você pode tomar banho tranquilamente. Perto de lá também tem uma parte comercial e cultural chamada Bar Harbor, onde você encontra bares, lanchonetes e lojas bem interessantes. Durante os dias de folga conseguimos explorar bastante essa parte da cidade.

Aconselho muito a você que gostaria de trocar experiências, aprimorar seu inglês, conhecer novas pessoas e viver um pouco da cultura americana. Além de ser mais em conta que outros intercâmbios, você ainda recebe um salário no final do trabalho e volta para casa com a bagagem cheia de histórias legais 😊

5/5 - (1 vote)
Sair da versão mobile